Lambendo os livros

O livro que me abre...

eu o acrescento...
sem me importar com o assento...
e  muito menos  com quem está assentado...
pois,  a lingua que me  lambe...
eu a ouço!

Agora matei a charada!...

Comentários

Postagens mais visitadas