Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2012

Gordo, os olhos, quando magra, as feridas

Os pássaros e os passos de um calango

Pra não dizer que não fui meus fantasmas

As despalavras

Os dias como as noites

Os mares e os males de não prestar atenção na vida...

A Rio + 20 X a subtração das nossas esperanças?

I GONÇALVES DIAS DE ARTE

O bravo, o cavalo e os desertos

Ai de nós sem as caricias que substituiriam todas as facas

O pois é dos nossos espantos!

As curvaturas do amor e os olhos dentro do bico

Os bichos estão soltos