Postagens

Mostrando postagens de 2017

O discurso e as “águas”: as mesmas que se petrificam

O “discurso” do sintoma na construção sujeito

A falta de escuta: as nossas feridas!

Ideia de como o “corpo” pode se voltar contra nós mesmos!

“Para não dizer que não falei de mãos cheias”!

Cuidado!

A metáfora e o ninho

A repetição. O retorno da coisa outra.

O Ser Professor

Os tecidos, as costuras e as pregas.

O nosso rastejar pela boca!

A nossa concreta finitude, e a frágil construção da eternidade.

Os símbolos, as bolhas e as lutas dos tempos atuais.

O espelho da Paz!

A humanidade X a caverna

A reinvenção de si mesmo!

Somos o "peixe" fisgado pelo próprio olhar!

O grande espelho: a vida!

Dialogando com as coisas

As pedras do caminho

O tempo das Cartas de Amor

A vida: que sejamos dela seus adeptos!

O mar da existência: quem não o pesca se afoga!

A “costela de Adão” X a corrupção: quem quer perder a sua?

Há entre nós quem não seja mais um de nós!

A difícil missão da vovozinha em sua tarefa de evitar que seus netinhos se transformem em “lobos maus"

O medo

As coisas nossas de cada dia!