"Ave Maria das Pedras"


Por Gilvaldo Quinzeiro

...e por entre as pedras sírias de todos os escombros, rogai por nós!

De ontem pra cá, vesti minha rouba de saco de estopa, e me tornei um ‘monge do agreste’.

Ouço as violas e as vozes dos cantadores nordestinos: amém!


Comentários

Postagens mais visitadas