Oxente, que diabo é aquilo?

Gilvaldo Quinzeiro



No cotidiano nada se finca e nada se alavanca: tudo que estar de pé é espantalho.  Eis um ponto fora da reta.

Que equação representaria a lógica dos novos tempos?

 Uma coisa não é tão exata quanto à matemática, mas, todos os cálculos nos apontam para uma época do “pós-homem”.

E quanto aos espantalhos?

Orai para que seus deuses também tenham pena de nós!












Comentários

Postagens mais visitadas