Vacas magras, imagens gordas?



Por Gilvaldo Quinzeiro

 

As vacas. Neste mundo de perdas incessantes de referencias, as vacas poderão nos alimentar na nossa fome de imagem! Esta é a boa noticia!  A má noticia é alimentarmos o desejo de sermos apenas “uma vaca pintada”!

Veja só. Pelos caminhos do Ego, a coisa mais difícil são as comparações. É por isso que inventamos o espelho. Para Narciso, como sabemos o espelho era dispensável. E para as vacas?

Pois é... Já neste século poderemos pisar em solo marciano. Mas quanto a chegarmos “dentro de nós mesmos”, quando?

Somos feitos de imagem. Não de uma imagem qualquer, mas daquela batizada pela palavra!

“Vaca” é imagem ou palavra?

 

 

Comentários

Postagens mais visitadas