Valeu pelo tempo que ainda não almoçamos o outro

Gilvaldo Quinzeiro



Curto é o tempo da colher até a boca, todavia, este pode ser o percurso no qual levamos para nos transformar em rato para sempre.

Tudo é uma questão de suportar os solavancos. Apetite para não sermos mais gente, temos com sobra!

Comentários

Postagens mais visitadas