O balde, o poço e a criança

Gilvaldo Quinzeiro



O balde que nos leva ao fundo do poço, em cuja fonte também contem a lama com a qual se esculpe o homem com sede, está para a corda, assim como a palavra está para nós adultos ao descer os labirintos da nossa infância, em cujo poço habita o nosso trauma – fonte de todos os nossos fantasmas – mar dos nossos naufrágios!

Acordes! Puxes a corda antes que tuas palavras se sequem, e a tua criança interior se afogue!

Comentários

Postagens mais visitadas