Sopa de mosquito

Gilvaldo Quinzeiro





Se tudo é cíclico, do vômito da natureza sobre nossa face ao “novo” que já é velho, então precisamos colocar “as barbas de molho”, sob pena de nos afundarmos num estômago qualquer, e, já como excrementos ser aproveitado como minhocas. Quem quer servir de isca para famintos tubarões?


Pois bem, em recente artigo publicado pela revista "The Scientist", o cientista Van Huis diante da previsão da falta de alimentos sugere o consumo de insetos, enfatizando as propriedades protéicas dos mesmos.


Esta também não seria enfim, uma solução para acabarmos com o mosquito da dengue?

Comentários

Postagens mais visitadas